Seis livros para comemorar o dia Mundial do Rock

Seis livros para comemorar o dia Mundial do Rock

Olá, mais um treze de julho chegou e venho trazer aquela lista recheada com rockstars e romance do jeitinho que a gente gosta.

Eu sou muito suspeita para falar sobre livros que se passem no mundo da música e do Rock n’ Roll pois é, sem sombra de dúvidas, o meu tipo de livro de não fantasia favorito, perdendo apenas para meus queridos e amados vampirões, que comandam o topo da lista dos meus livros favoritos da vida.

SEIS livros para ler no dia mundial do rock

Capa Mais Que AmigosPrimeiramente eu não estou querendo puxar sardinha para o meu lado ao indicar meu livro nessa lista, mas de fato Mais Que Amigos é um livro completamente ambientado nesse mundo de rock n’ roll. 

SINOPSE: Quando Marina recebe uma mensagem de Romeu em um spam de um evento de rock, no final de uma noite extensa de estudos, ela nem imaginava o quanto sua vida iria mudar.
Ela é uma estudante introspectiva, aspirante à escritora e descobrindo a vida fora das asas de seu pai super-protetor.
Ele é um brutamonte petulante, apaixonado por carros antigos e vocalista de uma banda de rock em ascensão.
Entre os problemas da vida adulta, corações quebrados – mais vezes do que eles gostariam de admitir – e muito rock n’ roll, eles vão descobrir que de um ódio à primeira vista pode brotar muito mais que uma amizade.

Confira os Cinco motivos para ler Mais Que Amigos, de Valeria Torres

Esse é o livro de estreia da autora independente Janaina Sabidussi e eu me surpreendi muito com ele por se tratar de um livro em terceira pessoa, o que eu não sou em um pouco acostumada a ler.

Kate é uma mocinha forte enquanto Adam parecia ser um babaca e se mostrou ser um cara fantástico apesar dos esteriótipos. Um acidente une os dois da maneira mais improvável e muita emoção rodeia esses dois opostos em praticamente tudo.

SINOPSE: Quando o destino decide unir duas pessoas, nem os problemas da vida conseguem separá-los.
Quando a enfermeira Kate decidiu parar e ajudar uma vítima de acidente de trânsito nunca imaginou que iria ter a sua vida virada de cabeça para baixo, à começar pelo seu coração.
Adam nunca conseguiu esquecer aqueles olhos azuis que o ajudaram quando mais precisou, mas ao decidir procurar a dona deles nunca pensou que com a sua fama e fortuna iria precisar batalhar tanto para conquistar o coração machucado de Kate. Mesmo sendo um Rockstar de fama mundial a vida vem lhe mostrar que às vezes você precisa batalhar e muito para conquistar o que quer.

A Garota da Música foi o primeiro livro da Karina Heid que eu li e que fez eu me tornar fã por ela à primeira lida.

A história de Gabriel e Lis é um misto de Deus me livre com quem me dera. Um mocinho quebrado em tantas maneiras possíveis e uma mocinha que foi obrigada a ser forte apesar de tudo.

Uma história de amor, luta, superação, redenção e família que precisa ser lido por todas que amam um bom clichê que não seja tão clichê assim.

SINOPSE: Gabriel, o sexy vocalista da banda Bandits ouvia o estádio lotado entoar em coro: “Vadia!” e tudo que pensava era na injustiça daquilo. Mas a fama estava feita, e aquela música – e a garota que a inspirou – tinham sido a razão do seu sucesso.
Famoso mas emocionalmente quebrado, Gabriel decide numa noite acabar com tudo. A vida desregrada trouxe coisas boas, mas nunca tapou o buraco no peito. As lembranças o levam de volta à pequena cidade natal, e à garota que o resgatou do fundo do poço, anos atrás.
Do outro lado do país, as batalhas de Lis eram reais: lutar por justiça, ganhar dinheiro, sustentar o filho. Quando fica sabendo que o ex, hoje um roqueiro famoso teve uma overdose e pode morrer, precisa se decidir se conta para o filho que aquele é o seu pai.
Por nove anos ela apagou Gabriel de suas vidas. Afinal, foi abandonada por ele, grávida. Transformada injustamente na vilã que ele eternizou no mundo da música através de suas palavras.
Quando Gabriel retorna à cidade, o mundo de Lis vira ao avesso. As mentiras e os mal-entendidos vêm à tona, assim como os sentimentos que ambos achavam ter enterrado…
Baseado na música Skater Boy , da Avril Lavigne, A GAROTA DA MÚSICA é a história não contada do romance que deu errado.

Aproveite e confira a Resenha Literária: A Garota da Música, Karina Heid

É reviravolta que você quer, bebê? Então pega o Acordes Imperfeitos, se senta e prepara seu coração para a história de Bruno e Amanda que é recheada de emoções, reviravoltas, muita música e amor do começo ao fim.

Bia Carvalho vai nos fazer refletir muito sobre como julgamos os outros baseado nos nossos preconceitos ou em boatos espalhados sem nenhuma responsabilidade enquanto nos apaixonamos por esse casal improvável.

SINOPSE: Ele era o filho de um criminoso…
Ex-rock star, sedutor, considerado pela cidade como uma péssima influência – o típico bad boy. Todos diziam que eu deveria ficar longe de Bruno Gardelli, para a minha própria segurança.
Eu era nova na cidade. A garota perfeita, violinista, com reputação impecável, mas com um fraco por almas despedaçadas. E Bruno era uma. Sem dúvidas.
Ele parecia querer distância de mim, até que a música nos uniu. E também alguns fantasmas do passado, que poderiam ser muito mais perigosos do que o homem por quem eu lentamente começava a me apaixonar.
Quando segredos e verdades sobre as nossas histórias se entrelaçam, poderá o amor que construímos sobreviver ou ele apenas se despedaçará como tudo ao nosso redor?

A única coisa que eu posso falar sobre esse neném é: LEIAM! Sério. Não é só porque a L.C Almeida é uma autora nacional indepentente sem defeitos para criar mocinhos encantadores e mocinhas fortes feito diamantes, mas é porque Ethan Carter e Olivia Mendes são tudo que há de bom na humanidade.

Somos Apenas Amigos tem tudo que uma boa leitora apaixonada por clichês gosta: rockstars, amizade, romance, cenas clássicas que nos fazem suspirar e a construção de uma relação muito sólida baseada no respeito e na parceria.

SINOPSE: Se você dá a sorte de encontrar um melhor amigo nessa vida, você não faz nada que possa te arriscar a perdê-lo, certo?
Ethan Carter é um astro do rock.
Olívia Mendes é uma autora de romances.
O que esses dois têm em comum? Bloqueios criativos, vidas solitárias e uma conexão instantânea, que acaba os envolvendo num acordo inusitado.
Uma amizade de turnê.
Ethan é doce, tímido, romântico e a elegância em pessoa, enquanto Lil é forte, engraçada e desastrada. Mesmo que ninguém acredite que esse par inesperado consiga ser apenas amigos, eles ficam cada dia mais próximos e nenhum dos dois quer bagunçar isso se enfiando num relacionamento amoroso. Não, não. Eles têm um péssimo histórico amoroso e estragariam tudo, mais cedo ou mais tarde.
Namoros acabam. Amizades são para sempre.
Juntos, eles enfrentam os desafios da fama, dos corações partidos e das suas carreiras em ascensão, enquanto gritam para o mundo que “SIM, SÃO APENAS AMIGOS”.
Mas o que fazer quando a ligação se torna forte demais, os sentimentos começam a ficar confusos, os ciúmes aparecem e, de quebra, você ainda percebe que a pessoa ao seu lado é a mais incrível que já encontrou?
Você arrisca tudo? Você foge? Você sugere um “Test-Drive”?
Ou você continua apenas amigos? 

Para concluir essa lista eu trago Dear Seattle.  O livro já começa com a jovem e irresponsável Samantha indo escondida à um show de rock e conhecendo o sexy, misterioso e intragável Daniel. Apesar disso, ele foge um pouco do clichê palco e backstage quando passa a abordar mais o desenvolvimento de duas pessoas em uma relação complicada do que os shows de rock em si.

Esse é o romance de estréia da autora nacional Dani Smith e é incrível como ela descreve o crescimento e amadurecimento da jovem Sam e a redenção de Daniel depois de tudo de errado que ele fez.

*esse livro contém cenas que podem gerar gatilho sobre abuso de drogas e traição*

SINOPSE: O tempo é o algoz de muitas pessoas. É uma pena que também foi para Samantha e Daniel. Quando a jovem Sam decidiu assistir ao show de sua banda favorita, não imaginou que o baixista havia sido substituído pelo cara que a tiraria dos trilhos.
O misterioso Daniel foi fazer um favor para o seu irmão, produtor da Charlotte Pipe, substituindo um dos músicos da banda, mas não foram os holofotes do palco que brilharam diante dos seus olhos naquela noite.
Ao se conhecerem, Sam e Daniel são química pura, mas as barreiras para viverem a sua história são tão grandes quanto a atração que eles sentem.
Resta lutar pelo que querem e não deixar que o tempo leve a melhor.

Se não acredita no que eu digo, confira os Cinco motivos para você ler Dear Seattle, da Dani Smith


 

Todos os livros dessa estão disponíveis em ebook na Amazon e pelo Kindle Unlimited e alguns tem a opção de ser adquiridos na versão física diretamente com as autoras, através das redes sociais de cada uma delas.

Espero que tenham gostado da minha escolha e me conta qual seu roqueiro literário favorito e se ele está nessa lista.

Antes de ir confira o Lançamento: Dias Inesquecíveis, L.C Almeida e leia a Resenha Literária: Ethan, Dani Smith.

Vejo você por aí.

Tchau!

Lançamento: Dias Inesquecíveis, L.C Almeida

Lançamento: Dias Inesquecíveis, L.C Almeida

Quando a dona Laura fica quieta demais é, inegavelmente, sinal de lançamento. Desse modo “Dias Inesquecíveis” chegou na Amazon na segunda-feira (22/06/2020).

“Dias Inesquecíveis” é o décimo novo livro da autora nacional L.C Almeida e conta a história de Ricardo Damico, piloto de corrida da equipe Alpha e parceiro de pistas de Max Vega – protagonista de Bad Max.

Para melhor compreensão dos acontecimentos, é melhor já ter feito a leitura de Bad Max anteriormente.

“Dias Inesquecíveis” é um romance perfeito para toda garota fã de F1 ou que tenha aquela nostalgia gostosa dos domingo de manhã, no sofá de bobeira. Igualmente àquelas que apenas apreciam moços bem apessoados em uniformes e camisetas brancas agarradas ao peito.

Eu não sou boba e nem nada, então, já garanti minha leitura da noite e é bastante provável que eu vá me deleitar na escrita dessa autora maravilhosa.

O lançamento “Dias Inesquecíveis”, da L.C Almeida, já está na versão ebook no link https://amzn.to/2B3hpo3 , e ele está disponível para assinantes do Kindle Unlimited.

Confira a sinopse
Capa - Dias Inesquecíveis
Capa – Dias Inesquecíveis

Ele acredita na magia do universo e no poder do destino.
Ela é uma engenheira racional e objetiva.
Ele é um piloto mundialmente famoso.
Ela só quer levar a vida da forma mais simples possível.
Ele sonha em encontrar o amor.
Ela encara tudo como uma equação a ser resolvida.
Cérebro e coração se encontram e um acordo inusitado nasce: um relacionamento secreto em forma de experimento científico.
Entre ultrapassagens, pit stops, amizades, acidentes e aventuras, Naomi e Ricardo viverão as emoções únicas que apenas os dias inesquecíveis são capazes de criar.


Leia também Resenha Literária: Meu novo amor (de mentira), L.C AlmeidaO que de bom pode vir de uma “princesa” e um “babaca”? – Eu ODEIO esse cara de L.C Almeida e Cinco motivos para você ler “A minha comédia romântica”

Vejo você por aí.

Tchau!

Resenha Literária: Ethan, Dani Smith

Resenha Literária: Ethan, Dani Smith

Na última quinta-feira a autora Dani Smith lançou o seu terceiro romance publicado na Amazon. A autora best-seller iniciou a história de Ethan, um spin-off de Blackmail, ainda no wattpad e durante os meses de produção da trama, angariou uma legião de fãs sedenta pelo agente do FBI e suas peripécias.

Primeiramente confesso que não sou de acompanhar histórias na plataforma por motivos de não ter maturidade suficiente para lidar com a espera por novos capítulos e então esperei que Ethan fosse para a Amazon, aonde eu poderia me deleitar em sua história capítulo à capítulo até o fim.

resenha literária: ethan, dani smith

O livro começa com uma lembrança de quando Ethan conhece Alícia e conta um pouco sobre as caracteristicas do protagonista sobre o relacionamente romântico.

Apesar de ansiar por ter um casamento longo e duradouro, Ethan, sonha em ser um agento do FBI, que tem o poder de lutar contra o crime e ajudar a população.

Alícia apoia o marido em seu sonho e tudo parece perfeito em sua vida. Ethan tem o relacionamento que sempre quis e está caminhando cada dia mais em direção de ser um agente especial, como sonhara desde criança. Isso tudo até o momento em que Alicia passa a questionar o futuro, devido a insegurança e o perigo do trabalho de seu marido.

O desejo de ser mãe aflora na jovem e, com o aumento do medo e da tensão em torno das atividades de Ethan, o divórcio chega sem nada com que ele pudesse fazer.

Com o sonho do casamento terminado e a vida fora dos eixos, Ethan, vai morar com Trenton, seu melhor amigo e tentar recomeçar sua vida de onde parou.

a trama

Devido à Operação Blackmail, os laços entre os dois amigos se estreitam e o mesmo ocorre na relação entre Ethan e Camila, sua parceira de ação no FBI.

Camila nos é apresentada logo no primeiro capítulo, e suas caracteristicas chamam atenção. Por ser uma mulher forte e determinada, ela se destaca entre os demais agentes de sua formação e tem o posto de “braço direito” do mocinho da história.

Apesar de uma agente forte e destemida, Camila, passeia entre a jovem feminina, cheia de medos, e a fã ensandecida de Backstreetboys, como uma garota comum.

Bem-humorados, focados e apaixonados pela corporação, Camila e Ethan, formam uma dupla perfeita contra o crime. Protegendo e completando um ao outro nas incursões e missões das quais são designadas para sua equipe atender, e também na vida pessoal, como amigos.

De policial turrão, Ethan só tem a aparência física e a dedicação ao trabalho, já que podemos perceber em diversas cenas o quanto ele preza pelas relações de afeto com seus companheiros de trabalho, amigos e familiares.

Desde o prólogo percebemos que ele é uma represa prestes à estourar de sentimentos bons, empatia e compaixão.

Desenvolvimento

À partir do segundo capítulo, o coração já começa se aquecer com a pequena fagulha que disponta em Ethan ao observar como sua parceira é bonita e atraente, mesmo que em um momento muito inusitado e até inoportuno aos agentes. Instantâneamente pensamos “aí tem coisa”.

A maneira como Ethan percebe a parceira com outros olhos é inusitada e encantadora, dando mais alguns pontos de fofura ao policial.

As cenas são bem escritas e capazes de montar os cenários sem dificuldade, como um seriado policial criado dentro da cachola de quem está lendo.

O primeiro caso desse time em campo é uma investigação de tráfico de metanfetamina e a tensão vai aumentando a cada linha lida que traz um novo desbobramento na investigação ou uma nova descoberta entre os agentes, mesmo com os dialógos leves e de fácil entendimento da equipe em incursão.

Emoção é palco para o livro!

Antes mesmo do final do segundo capítulo nosso coração dispara com as viradas de jogo que a Dani traz à narrativa, e nem nos meus sonhos eu poderia estar preparada para tudo o que a trama nos reserva até o final das 459 páginas.

Coadjuvantes destacáveis

Conhecemos Ethan e Camila pela sua atuação na operação Blackmail, conflito muito importante do livro Blackmail. Então já era de se esperar a presença de Trenton e Caroline, os protagonistas da história que deu origem ao spin-off.

Ainda nos primeiros capítulos de Ethan, Alexander Galanis nos é apresentado e, de maneira até que sutil, a presença dele na equipe traz consigo o sentimento enciumado de Ethan sobre o novo agente, fazendo com que ele seja escolhido para compor a equipe do protagonista e assim poder tê-lo sob supervisão.

Apesar de tudo o que acontece Galanis, ganha destaque pelo modo como a amizade com Ethan cresce e amadurece, tornando-o um personagem de destaque.

Conclusões

Ethan ganhou um pedaço do meu coração desde sua aparição em Blackmail e eu já esperava que fosse gostar do seu próprio livro. Eu apenas não esperava que fosse tanto.

O desenvolvimento do romance, a resolução dos conflitos e o desenrolar as cenas fluem de uma maneira tão gostosa que nem percebi o tempo passar.

A sensibilidade e a maturidade de Ethan em contraste à força e a leveza da Camila, torna-os um casal fascinante e inspirador em diversos níveis.

A escrita da Dani continua maravilhosa, porém a percebi mais solta em relação às cenas sensuais, o que tornou a leitura ainda mais intensa.

Minha nota geral para o livro é ⭐⭐⭐⭐⭐ e eu recomendo de coração.

considerações finais

“Ethan” está disponível na Amazon e pelo Kindle Unlimited.

Após a leitura não esqueça de avaliá-lo na Amazon. Dessa maneira você ajuda muito na divulgação, ao mesmo tempo que deixa a autora saber o que você está achando do trabalho dela.

Espero que tenha gostado da resenha literária de Ethan, da Dani Smith.

Leia também 5 motivos para você ler Dear Seattle, da Dani Smith

Vejo vocês por aí.

Tchau!

Lançamento: Ethan, Dani Smith

Lançamento – Ethan, Dani Smith

Na última quinta-feira (18/06/2020), a autora Dani Smith fez o lançamento de seu terceiro romance na Amazon.

Ethan, o spin-off de Blackmail, chegou em primeiro lugar de vendas de sua categoria já nas primeiras 24 horas e não era para menos, já que a história do agente do FBI veio conquistando uma legião de fãs durante a publicação feita no wattpad da autora.

Você encontra Ethan, o lançamento da Dani Smith, na versão ebook no link https://amzn.to/2VfjeFs e está disponível para assinantes do Kindle Unlimited.

Confira a sinopse → Spin-off do best-seller da Amazon, Blackmail, com mais de 5 milhões de leituras!
Após o término da Operação Blackmail, Ethan está em sua melhor fase no FBI. A vida pessoal, por outro lado, não está das melhores. Com o fim do seu casamento, ele tem que aprender a lidar com a decisão que tomou e a viver sozinho. Afinal, para seguir um sonho, ele teve que abdicar de outro.
Quando entrou no FBI, Camila Martinez tinha como objetivo buscar respostas para muitas questões que carrega consigo desde criança. Forte e decidida, ela acaba se destacando na equipe e em pouco tempo, vira o braço direito de Ethan nas maiores incursões e missões que o bureau de Atlanta vem lidando.
Juntos, eles vão ter que enfrentar a maior missão de suas vidas: A volta de um antigo inimigo e o medo de perder um ao outro.

Leia também 5 motivos para você ler Dear Seattle, da Dani Smith

Resenha Literária: Por Um Livro, Carol Furtado

Resenha Literária: Por Um Livro, Carol Furtado

Embalada pelo dia dos namorados a autora Carol Furtado lançou na última quarta-feira o conto “Por Um Livro“.

Inspirada em uma situação real que aconteceu com a própria autora, “Por Um Livro” conta a história de Karina, uma auxiliar administrativa que tem um problema em realizar uma avaliação do livro da autora Aretha V. Guedes que ela gostou muito e decide entrar em contato com o chat da Amazon.

Ao ser atendida com muita atenção e cordialidade, a protagonista além de encantada com a prestatividade do atendente, acha um tanto curioso o fato dele se chamar justamente Matheus, que aliás é o nome do mocinho do livro que ela tanto amou ler e não conseguiu avaliar na plataforma.

O livro em questão existe na vida real e é o “Meu Ex-melhor amigo“, da autora Aretha V. Guedes.

Problema resolvido e vida que segue. Não seria coincidencia demais se algum tempo depois outro problema à levasse ao chat novamente e seu atendimento fosse feito justamente por Matheus? O atentende prestativo que a atendera anteriormente.

Karina e Matheus conversam mais uma vez em busca de uma solução para uma sua impossibilidade de realizar comprar pelo aplicativo da plataforma e novamente o atendente prestativo resolve seu problema.

“Matheus: Se mandar o meu número de telefone, você me responde?
Eu: Lógico! – Falei enfática.”

Depois do primeiro contato através da central de atendimento muitas coisas podem acontecer desse encontro inesperado. Do mesmo modo, só o destino poderá dizer o que reservará para eles.

As surpresas que a vida nos reserva as vezes faz com que a arte imite a vida, ou a vida imite a arte.

CONCLUSÕES

Capa - Por Um LivroPor Um Livro” é um conto curto, rápido e bem fácil de ler. A escrita da autora Carol Furtado está cada vez mais madura e muito fluída, fazendo com que nossa mente viaje facilmente pela narrativa.

Ao mesmo tempo que os personagens principais são encantadores, os secundários de fato também são e eu já quero livro do Murilo para ontem.

Em resumo o livro não aborda temas sensíveis de gatilho e nem tem cenas eróticas, ou seja, pode ser lido praticamente por todo mundo!

Por fim recomendo a leitura à todas que apreciam um romance que desabrocha rápida e intensamente.

Por Um Livroestá disponível na Amazon e pelo Kindle Unlimited.

Após a leitura não esqueça de avaliá-lo na Amazon. Dessa forma você ajuda muito na divulgação, ao mesmo tempo que deixa a autora saber o que você está achando do trabalho dela.

Finalmente eu espero que você tenha gostado da resenha literária de Por Um Livro da Carol Furtado.

Leia também a Resenha Literária: Revendo a Jogada, Carol Furtado

Vejo você por aí.

Tchau!