Os problemas não são as segundas!

Sempre ouvimos aquela velha frase “odeio as segundas-feiras”, mas deixa eu contar uma coisa…

Os problemas não são as segundas-feiras!

Isso mesmo!

Engole o choque e me deixa te explicar o porquê.

O problema é aquilo que você faz – ou acaba deixando que façam – na sua vida. Afinal, já reparou que quando se está de férias, as segundas são incríveis e quando bate aquela gripe, os sábados se tornam insuportáveis, por exemplo.

Claro que isso pode se estender para muitos outros aspectos da sua vida.

No âmbito profissional, pessoal, amoroso, familiar, cada dia da semana pode ser um inferno pessoal que você nem imagina.

Quem mora ao lado de um bar e/ou de um vizinho barulhento pode odiar os finais de semana, assim como aquele seu colega que trabalha há 3 horas de ônibus de casa odeia as terças. Da mesma forma que aquela sua prima que trabalha por conta, adora os domingos pois sabe que vai fazer aquilo que mais ama. Já sua mãe detesta, porque ela sabe que seu pai vai passar o dia jogado na poltrona vendo futebol e gritando: “Mulher, traz mais uma gelada!”

Aprendam que o errado não é se sentir infeliz em um ou mais dias da semana, o errado é não fazer algo para mudar esse sentimento e deixar se consumir por ele, pois além da vida ser muito curta pra perdemos com esses dias bem “mais ou menos”, nós não somos obrigadas – bitch please!

REAGE, BOTA UM CROPPED

Os problemas não são as segundas. Então se elas não estão boas, levanta essa cabeça – bota um cropped – e vai viver a terça, a quarta e todos os outros dias de maneira. Faça com que elas passem a não ser um martírio e virem, sim, um prazer.

Não é normal odiar um dia da semana, porque se você parar pra pensar, ele é mais um dia de sua vida. E você quer que ele passe bom ou bosta? Já que passar ele vai de qualquer jeito!

PS: Se os dias estiverem se tornando pesados demais de segunda a segunda, busca ajuda especializada porque você vale muito para perder sua luz assim, bonita.

Antes de ir, leia também RESENHA LITERÁRIA: MEU NOVO AMOR (DE MENTIRA), L.C ALMEIDA

Vejo você por aí, tchau!

A abertura do pensamento em um livro recheado de tabu!

“SE NÃO ME QUER PARE DE ME ATORMENTAR.”
Pe. Armando
 
Eu comecei a fazer uma seleção dos melhores livros que eu li esse ano e, mesmo que hajam MUITOS títulos que quero deixar registrado aqui, eu PRECISAVA dedicar um post só para essa obra prima da literatura brasileira 👀
 
CELIBATO é um romance polêmico da autora nacional @autoratbetineli que eu não dei um real antes de começar a ler e hoje daria barras de ouro que valem mais do que dinheiro pela história de Mônica e Armando.
 
Confesso que baixei na força da curiosidade de tanto que esses pecadores apareceiam na minha timeline e eu nunca irei agradecer o suficiente à eu de antigamente que se rendeu a curiosidade e pode saborear essa maravilhsa 🥰
 
Esse post não é uma resenha, mas vou destacar alguns pontos que me fizeram amar tanto esse livro:
 
1️⃣ TABU: sim, a premissa do romance entre um padre e uma descrente foi o que me chamou a atenção porque eu adoro uma controvérsia. A forma como a Thalissa discorreu sobre o assunto mudou muito a minha visão sobre o romance erótico e o esteriótipo de que tudo é sobre o sexo e me fez pensar sobre as questões que podem ser abordadas pelas entrelinhas do genero tão mal-falado até dentro do bookstagram mesmo.
 
2️⃣ CRÍTICA: há tantas críticas que nem sei por onde começar. apontamentos sobre a responsabilidade afetiva, sobre vingança, sobre pecado, perdão e escolhas na vida. O livro é recheado de reflexões e pensamentos tão profundos que você se esquece que está “na cabeça” de um padre e se identifica demais com os dilemas dele.
 
3️⃣ RELIGIÃO x DEUS: eu não sou (nunca fui e provavelmente nunca serei) religiosa, mas a forma como o padre vai questionando a própria fé e a incredulidade de Mônica me fez pensar demais sobre como nos afastamos da forma divina de Deus quanto mais a religião se sobrepõe ao bem fazer entre nós humanos. Nos preocupamos mais com o que o outro faz do que buscando nossa própria evolução e praticando o amor e solidariedade.
 
Apenas O MELHOR LIVRO QUE EU LI EM 2021!!!
 
📲 O ebook está disponível no KINDLE UNLIMITED 😉

Lidos de Janeiro

Primeiramente, até quando é aceitável desejar “FELIZ ANO NOVO”? Afinal, estou trazendo a minha lista de livros lidos de janeiro, no meio de fevereiro, como se não tivesse ficado meses sumida desse site.

Embora eu seja uma leitora voraz, esse ano eu prometi que pararia de atropelar minhas leituras. Inegavelmente, ler muito não significa nada, se não souber aproveitar o momento e saborear as histórias.

Ao passo que isso me incomodou demais em 2020 e, apesar das nossas vidas terem virado de pernas por ar, eu comecei priorizar as coisas de uma forma que, apesar de eu me permitir curtir os momentos de  pazer daquilo que eu gosto, ou seja, não transformando tudo em trabalho.

Uma vez que ficou claro o porque eu li tão pouco no mês, em comparação aos anos anteriores, eu trouxe as minhas quatro leituras de janeiro com uma breve resenha do que eu achei.


lidos de janeiro de 2021

Capa - Apenas Uma NoiteApenas Uma Noite – Carol Furtado
⭐⭐⭐⭐⭐
https://amzn.to/37b7p9h

“Apenas Uma Noite” é um conto leve, divertido e muito envolvente. Traz reflexões sobre o lugar e as dificuldades da mulher na sociedade em uma sociedade machista em que temos que lutar em dobro para conquistar um patamar de autoridade, entretando, tem romance e HOT na medida.
O livro é parte integrante da Antologia Joaninha Natal, da qual eu tive um imenso prazer de fazer parte com o conto Uma Chance Para o Coração

Capa - Pondo Tudo no LugarPondo Tudo no Lugar – K.M Stephen
https://amzn.to/3jIW31e
⭐⭐⭐⭐⭐

Com o intuito de prestiginar minhas companheiras de projeto, minha segunda leitura foi outro conto de natal. Eu me apaixonei logo nas primeiras páginas. Uma leitura leve e divertida que me fez dar muitas risadas do começo ao fim. Eu simplesmente amei o modo como os personagens interagem durante o desenrolar da história.

Capa - Encontro Com o PassadoEncontro Com o Passado – Léia Fernandes
https://amzn.to/3qpBeKU
⭐⭐⭐⭐⭐

Que conto foi esse? Que conto foi esse que foi um arraso?
Eu não tenho palavras para descrever o nó que esse conto de natal deu na minha cabeça. Todavia eu não teria estruturas para estar na pele da Luzia. Que mulher forte e maravilhosa, merece o mundo. O plot é simplesmente surpreendente, eu amei cada pedacinho dessa história maluca.

Capa - Quando Você PartiuQuando Você Partiu – Liz Spencer
https://amzn.to/2NovaU6
⭐⭐⭐⭐⭐ (se pudesse daria até mais)

Eu poderia ficar até amanhã dizendo coisas maravilhosas ao respeito da melhor leitura do ano (por enquanto), sobretudo do desenvolvimento do arco dos mocinhos. Não conhecia a autora, mas certamente entrou no meu coração, afinal, a história de Nila & Kyle é explêndida. Primeiramente, temos emoção e drama, entretando, os conflitos e as reviravoltas vão sendo apresentadas com uma pitada de HOT. Amadurecimento, conquista e redenção que, acima de tudo, me prendeu até a última letra.


antes QUE VOCÊ VÁ EMBORA…

Espero que tenha gostado deste poste com o intuito de compartilhar as minhas leituras do mês de janeiro de 2021.

Foram poucas, mas foram boas. Desde que tenham qualidade a quantidade pouco importa. 

Me siga no Instagram para compartilhar as suas leituras também!

Se você gosta de ler e de cuidar bem do seu dinheiro, aproveite para conhecer a categoria de EBOOKS GRATUITOS DA AMAZON  e teste o KINDLE UNLIMITED por 30 dias sem pagar nada (válido para primeira assinatura)

Não esqueça de conferir as 5 dicas de livros rápidos para ler no carnaval!

Vejo vocês por aí.

Tchau!

Cinco motivos para ler Mais Que Amigos, de Valeria Torres

Cinco motivos para ler Mais Que Amigos, de Valeria Torres

“A AMIZADE É O AMOR QUE NUNCA MORRE. – Mario Quintana”

Algumas de vocês talvez não saibam, mas além de blogueira literária, eu escrevo coisas para a internet desde quando “tudo isso aqui era mato”.

Já tive alguns blogs, bem como já escrevi  para algumas colunas de grandes sites e recentemente eu publiquei meu primeiro romance pela Amazon.

“Mais Que Amigos” é um sonho antigo, de uma adolescente insegura que amava escrever e nunca teve coragem de tocar nenhum projeto para frente.

Comecei diversos enredos, perdi a maioria deles e quando finalmente decidi que faria da escrita minha profissão confesso que optei pelo caminho mais seguro, afinal, além de unir os clichês que eu mais consumo eu trabalhei como fotógrafa de shows e eventos por alguns anos, podendo ter bagagem e propriedade para escrever sobre o universo e os bastidores da música.

Tendo tudo isso em vista, hoje eu vou te dar alguns motivos para dar uma chance à “Mais Que Amigos”, meu primeiro romance.

cinco motivos para ler mais que amigos.
  1. Clichês, clichês, clichês para todos os lados. Não tenho nenhuma vergonha em dizer que “Mais Que Amigos” é repleto de clichês. Desde a premissa do livro – melhores amigos que se apaixonam – aos detalhes da relação construída lentamente pelos protagonistas.
  2. Eu tentei – e acho que consegui – criar personagens próximos à realidade, com sentimentos e ações passível de realmente existirem, tornando assim a leitura mais fácil de compreender e imaginar.
  3. Não há gatilho ou drama exacerbado, podendo ser lido por qualquer leitora que busque um romance gostoso e leve.
  4. O livro é pautado na construção de uma amizade verdadeira, à partir de um desentendimento inicial e seus vários desdobramentos.
  5. Os personagens são bastante distintos entre si e com certeza você vai gostar de algum.
    Aviso importante: eu criei um coadjuvante que, embora sem querer, vem ganhando o coração da mulherada. E para quem tem me perguntado bastante: sim, vai ter livro do Tomás!
missão dada, missão cumprida.

Não é fácil falar sobre o livro dos outros, uma vez que eu tento expressar o quanto eles me conquistaram e destacar os pontos positivos de cada um. Contudo eu garanto que falar sobre minha própria criação certamente é MUITO mais difícil.

Espero que tenha gostado dos motivos e que dê uma chance ao meu “primogênito” e se apaixone pela Marina e pelo Romeu, do mesmo modo como eu me apaixonei ainda mais pela literatura enquanto desenvolvia eles.

“Mais Que Amigos” está disponível na Amazon e pelo Kindle Unlimited.

E após a leitura não esqueça de avaliá-lo na Amazon. Isso é muito importante para eu saber o que vocês estão achando, e também me ajuda muito na divulgação!

Conheça um pouco mais de mim em Eu, Valeria Torres: leitora, escritora e doida das TAG’s

Vejo vocês por aí.

Tchau!